Declaración FIPU

Congresso Internacional de Paz, além do diagnóstico do conflito

Com 20 delegados internacionais hoje começa o Congresso Internacional Propostas para Paz e o Desenvolvimento que apresentará iniciativas que buscam superar a guerra através da conquista da paz com justiça social.

Com 20 delegados internacionais hoje começa o Congresso Internacional Propostas para Paz e o Desenvolvimento que apresentará iniciativas que buscam superar a guerra através da conquista da paz com justiça social.

2015/ Maio 5/ Por: REMAP | Tradução em português: Elkin Pçaez

O anuncio foi realizado nesta terça feira em conferência de imprensa por organizadores e panelistas que esta quarta feira aguardam a chegada de 200 pessoas de diferentes processos sociais, políticos e culturais que chegarão a Bogotá a partir das 8 horas da manhã.

Na conferência de imprensa assistiram distintos meios alternativos de imprensa independente que durante cerca de duas horas conversaram com os convidados internacionais que responderam a todas as inquietudes no Clube de executivos do edifício Tequendama da cidade de Bogotá.

“Este congresso está pensado para ir além do diagnóstico da guerra e gerar propostas para o desenvolvimento que aportem à paz com justiça social”, assegurou Alejandro Toro, um dos organizadores do evento.

O desenvolvimento para paz, um dos temas centrais do congresso, também foi abordado desde uma perspectiva internacional. “Colômbia é a Israel da América Latina”, afirmou Galeb Moussa Hamad, jornalista de origem Sírio que demostrou as similitudes entre estes dois países, os quais os Estados Unidos utilizam como plataformas de ataque contra governos que não compartilham suas política neoliberais.

Como “nefasta para a região” finalmente terminou qualificada a ingerência do governo estadunidense na Colômbia, e considerada ademais como um obstáculo para paz, o desenvolvimento e a justiça social dos setores excluídos da sociedade. Esteban Silva, escritor e presidente do Movimento Allendista de Chile chamou ao acompanhamento internacional, “porque debilitar uma intervenção externa é inversamente proporcional ao acompanhamento dos países da América Latina e do mundo”, expressou.

Analisa as ingerências internas e externa que afetam a paz do país, será um dos objetivos do Congresso Internacional da Paz. Estes e outros temas serão discutidos através de experiências e propostas concretas para superar a guerra que durante 60 anos há dessangrado a Colômbia.


Foto: Falleny Vergara | Bogotá, encerramento conferência de imprensa
Etiquetas:

Publicar un comentario

MKRdezign

Formulario de contacto

Nombre

Correo electrónico *

Mensaje *

Con la tecnología de Blogger.
Javascript Disable Please Enable Javascript To See All Widget